NOTA OFICIAL DA FORÇA SINDICAL DO PARANÁ

Posição da Força Sindical nacional não reflete posição dos Sindicatos filiados

Alertamos que a posição da Força Sindical nacional emitida em nota oficial para repercutir as medidas econômicas anunciadas pelo presidente em exercício Michel Temer, nesta terça-feira (24/05), não reflete a posição dos seus Sindicatos filiados. Em nenhum momento, as entidades filiadas foram consultadas sobre sua visão do pacote anunciado.

Causa-nos estranheza que a nota elogia as medidas sem levar em conta os riscos maléficos que tais propostas podem causar nas áreas da saúde e educação ao desobrigar o Estado a cumprir o investimento mínimo como determina a Constituição Federal. Ao propor tal medida, o governo sinaliza que vai querer botar ordem na casa às custas, mais uma vez, dos trabalhadores e da população menos favorecida, contradizendo, dessa forma, a promessa que ele mesmo fez de que não mexeria em direitos trabalhistas e sociais.

Nossa Central sempre se pautou pela defesa dos direitos dos trabalhadores e da sociedade brasileira. Dessa forma, não é possível aplaudirmos cortes na educação e na saúde como sendo a saída para o Brasil sair da crise. O trabalhador já está tendo que pagar uma conta alta, ficando entre a cruz e a espada ao ser obrigado a escolher entre  sacrificar direitos ou manter empregos.

Assim, nós, da Força Paraná, reiteramos que não endossamos a nota emitida como sendo a posição da Central. A nota reflete apenas a opinião pessoal do presidente Paulinho da Força, e a de seu partido político, o Solidariedade, que faz parte da base política do novo governo.

Nossa posição é bem clara: Entendemos que ajustes para arrumar a economia são necessários. Mas deixamos claro que não vamos aceitar que a solução da crise seja feita às custas dos trabalhadores. Se o governo tem que cortar, que comece pela parte de cima da tabela, cortando a promiscuidade dos juros que alimentam os lucros dos bancos através da dívida pública, acabando com os milhares de privilégios que sustentam comissionados e a elite política e econômica do País com dinheiro público, aumentando a taxa sobre a remessa de lucros das empresas que recebem incentivos fiscais, fortalecendo o combate à corrupção, entre outras medidas desse porte.

Se for para arrumar a casa, que Temer comece primeiro cortando os privilégios da elite dominante. Tem nosso total apoio nesse sentido.

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

Força Paraná e Federação dos Metalúrgicos participam de Congresso Nacional de Medicina do Trabalho em Foz do Iguaçu

Diretores da Força Paraná e da Federação dos Metalúrgicos do estado,participaram, neste final de semana, do 16º Congresso Nacional de Medicina do Trabalho, que aconteceu em Foz do Iguaçu. O evento é promovido pela Associação Nacional de Medicina do Trabalho – ANAMT – e teve uma oficina voltada para debater a luta e os desafios dos trabalhadores por mais saúde e segurança no trabalho.

“Neste evento em que reunimos três mil médicos do trabalho, fizemos questão de promover também uma oficina para saber o que os trabalhadores pensam e como podem contribuir para melhorar a medicina do trabalho no Brasil”, disse o presidente da ANAMT, doutor Zuher Handar.
Continue lendo

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

Centrais cobram diálogo e governo cria GT para debater Previdência

As quatro Centrais Sindicais que estiveram ontem (16) com o presidente interino, Michel Temer (PMDB), saíram do encontro com o compromisso de que eventuais mudanças na Previdência serão precedidas de diálogo com os representantes dos trabalhadores.

As declarações do ministro Henrique Meirelles (Fazenda), na semana passada, sobre uma reforma da Previdência com a elevação da idade mínima para a aposentadoria, geraram reações entre sindicalistas. Segundo os participantes, essa questão não foi tratada na reunião.

Continue lendo

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

Centrais se reúnem hoje (16) com Temer para debater a reforma da previdência

Logo mais, às 15h, em Brasília, as direções nacionais das centrais sindicais (Força Sindical, UGT, Nova Central e CSB) participam de uma reunião com o presidente interino Michel Temer. O objetivo do encontro, aliás, solicitado por Temer é debater mudanças na Previdência Social. Também vão participar da reunião os ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha, da Fazenda, Henrique Meirelles, e do Trabalho, Ronaldo Nogueira.

Continue lendo

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário

Força-PR participa do 16º Congresso Nacional da ANAMT

Sempre empunhando a bandeira da saúde e segurança do trabalhador a Força-PR vai participar durante os dias 14,15 e 16 de maio em Foz do Iguaçu de um dos debates mais importantes da área, o 16º Congresso Nacional da Associação Nacional de Medicina do Trabalho (ANAMT). O tema  desta edição é ” Saberes e competências necessários para o cuidado da saúde dos trabalhadores”.

São esperadas mais de duas mil pessoas neste que é considerado o maior evento da Medicina do Trabalho na América Latina. Delegações científicas internacionais também já confirmaram presença, e serão apresentados trabalhos elaborados em Singapura, Dinamarca, Itália e Escócia, entre outras regiões.

Além dos profissionais desta instituição o encontro também vai reunir lideranças de várias centrais sindicais.   A 16º edição do congresso tem o objetivo de discutir efeitos da crise econômica sobre a saúde do trabalhador e vai contar com cursos, palestras, painéis, entre outras atividades sobre temas relacionados à especialidade.

Clique no link abaixo e confira a programação do evento.

16º Congresso Nacional da ANAMT

Publicado em Sem categoria | Deixar um comentário